Wiki Darksiders
Advertisement
Anjo
AnjoUm anjo soldado comum.
Características
Tipo de criatura Anjo
Modo de viagem Voo autopropelido, Ortho
Gêneros Ambos
Olhos Variação de branco e amarelo
Cores de cabelo Platina
Aspectos incomuns Tatuagens faciais brancas, asas blindadas, proeza física sobre-humana, magia angelical
Status Racial
Afiliação Paraíso
Ocupação Guerreiros, eruditos
Parceiro(s) Outros anjos
Orthos
Arsenal
Armas Lanças Angelicais
Canhão de Redenção
Orthos
Primeira Aparição
Estréia Darksiders
Voz

Anjos são uma raça de fortes seres alados celestiais nativos do Paraíso, com um pouco mais de apreço a Humanos do que Demônios. Esses seres flutuam no ar em asas luminosas, e quando há um choque de resistência contra seres mais fortes, tendem a utilizar armas muito superiores como: Salvação, Canhões de Redenção, espadas celestiais e alabardas que disparam rajadas de energia. Eles podem montar Feras Angelicais quando mais poder de fogo é necessário numa batalha. Eles não possuem apenas armamento pesado, mas também armaduras potentes que são utilizadas o tempo todo.

História[]

Os Anjos estiveram em guerra contra os Demônios do Inferno por milênios antes do Conselho das Chamas impor um tratado entre ambas as raças. Foram também os Anjos que levantaram-se contra os Nefilins de Absalom no Éden, lutando lado a lado com os Quatro Cavaleiros, ao passo que o genocídio dos Nefilins acontecia.

O pacto com o Inferno acabou quando os Sete Selos foram prematuramente quebrados e a Guerra do Fim dos Dias começou. As forças da Guarda Celestial eram fortes, mas não resistiram. Após cem anos, a maioria de suas forças havia caído. Quando Guerra chegou um século depois, o Paraíso fechou seus portões para qualquer Anjo que pisasse na Terra.

Sociedade[]

A sociedade dos Anjos é caracterizada por uma militante obsessão com a justiça de sua causa e uma crença fervorosa em normas de lei, ordem e justiça. O Codex Bellum (lit. Livro da Guerra) fornece um código imensamente complexo de leis que regem todos os aspectos da sociedade Angélica, e até mesmo regras estritas que dizem respeito a relacionamentos que são tolerados ou condenados. Por exemplo, de acordo com o Codex, apenas os Anjos que estão bastante próximos na hierarquia militar (por exemplo, um general e seu segundo no comando) são realmente autorizados a ter um relacionamento. Contudo, uma relação entre um general e um soldado de classe baixa seria considerada ilegal. O Codex Bellum é dito ser tão rigoroso e complexo, que nenhum não-Anjo pode entendê-lo, independentemente de sua sabedoria.

Diz-se que um "herói" nos padrões Angélicos é aquele que coloca seu dever acima de tudo e obedece às escrituras do Codex Bellum, independentemente da situação, em oposição a "fazer a coisa certa". Ironicamente, morrer por uma causa que alguém acredita fortemente é considerado pelos Anjos como uma das maiores honrarias que se pode alcançar.

Uma conversa com Nathaniel revela que os anjos "anciões" assumem vários nomes. Abadom, por exemplo, também era conhecido como "Vovin". As razões para isso são desconhecidas.

Militarismo e Governo[]

No que diz respeito a governo, há uma breve menção de um "Grande Trono" no primeiro game, não existem mais detalhes sobre isso. É provável que seja um conselho governante dos Anjos. Se generais ou classes similares são consideradas nesse "conselho" ainda é um mistério.

Sobre militarismo, há pelo menos duas seções distintas entre os habitantes do Primeiro Reino. A mais conhecida é a Guarda Celestial, uma força dedicada à destruição dos Demônios e em seguida temos o Exército Branco, uma possível força dedicada à defesa do Paraíso. O sistema Angélico de governo nunca foi bem definido, mas há algumas posições de extrema importância e poder:

Arcanjo - Parece estar entre as mais posições altas na hierarquia e legiões do Paraíso. Não se sabe se é uma classe ou um tipo de Anjo. Abadom e Azrael são Arcanjos.

Arconte - A natureza exata dessa posição é incerta. Parece ter grande autoridade. Alguns especulam que Arcontes são sacerdotes de batalha e guardiões das relíquias dos Anjos, visto que os mencionados na história empunhavam ou guardavam artefatos bastante significantes ao Paraíso: a Chave Celeste e o Cajado de Arafel.

Anjo "Ancião" - Um tipo específico de Anjo referenciado uma vez numa conversa entre Morte e Nathaniel. Como os Arcanjos, não se sabe se é uma classe ou um tipo de Anjo. No entanto, considerando que Abadom foi confirmado como um ancião, é provável que essa posição seja apenas mais um nome para Arcanjo. Fora isso, não se sabe muito sobre eles, além de que possuem vários nomes.

Anjos Notáveis[]

  • Abadom - O Arcanjo que liderou a Guarda Celestial durante o Apocalipse. Foi morto por Straga após distrair-se com a presença de Guerra.
  • Arconte Hestus - Embora mencionado apenas numa conversa com Uriel, Hestus é ilustre por ser o portador original do Cajado de Arafel. Ele morreu na Terra e os pedaços do artefato caíram nas mãos das forças do Destruidor.
  • Arconte Lucien - O Arconte é o protetor da Chave Celeste para o Poço das Almas. Ele governa o Pináculo de Cristal no reino da Luz Perdida, que foi banhado pela Corrupção quando Morte chegou lá.
  • Azrael - O Arcanjo da Morte, é encontrado como um conspirador arrependido e prisioneiro no Trono Negro. Azrael revela muito da verdade sobre o Apocalipse para Guerra.
  • Ezgati - Um soldado que serviu sob o comando de Azrael durante a crise do Cofre das Abominações. Durante a batalha no lar dos Ravaiim, Ezgati comandou uma porção das forças Angelicais.
  • Hadrimon - Um Anjo trapaceiro que se revoltou contra o Primeiro Reino depois da execução de sua amada, Raciel e tentou usar as Grandes Abominações para executar sua vingança.
  • Jamaerah - Um escriba no interior da Fortaleza de Marfim no domínio da Luz Perdida. Foi corrompido quando a Corrupção tomou conta do Reino. Ele e Azrael são os únicos Anjos conhecidos que não são guerreiros.
  • Makhala - Uma guerreira traidora que sucumbiu à Corrupção e refugiou-se na Terra, em 1722, depois de assassinar vários dos melhores guerreiros de Abadom.
  • Nathaniel - Um ex-guerreiro da Guarda Celestial e que agora serve o Arconte. Há muito tempo atrás, lutou contra os Nefilins no Éden e teve sua vida salva por Morte.
  • Rafael - Um Arcanjo. Criou os fragmentos de cura.
  • Uriel - A líder dos Anjos na Terra depois do desaparecimento de Abadom. Ela culpou Guerra pela derrota e morte de Abadom, ser do qual ela nutria sentimentos românticos.

Trivia[]

  • Embora todos os Anjos possuam asas, poucos são mostrados com plumagem completa. As asas utilizadas pela maioria parecem ser parte de uma armadura que lhes permitem voar. Os únicos Anjos da franquia que possuem asas emplumadas são:
    • Azrael
    • Abadom
    • Arconte Lucien
    • Nathaniel
    • Jamaerah
    • No entanto, é possível que suas asas, apesar de parecerem parte de uma armadura, possam realmente ter penas e estão simplesmente cobertas para fins de proteção.
  • Ao projetar os Anjos, a equipe de desenvolvimento queria dar a eles uma aparência forte, baseada em tecnologia, para contrastar a aparência mais mitológica dos Demônios.
  • Na série, existem apenas duas classificações Angélicas presentes, Arcanjo e Arconte. Na religião do mundo real, há na verdade um total de nove classificações Angélicas conhecidas como coros. Também é importante notar que alguns Anjos, dependendo do coro, são representados com um número maior de asas.
    • Os nove coros dos Anjos, do maior para o menor, são:
      • Serafins (seis asas)
      • Querubins (quatro asas)
      • Tronos
      • Dominações
      • Potestades
      • Virtudes
      • Principados
      • Arcanjos
      • Anjos
        • O Arconte Lucien é mostrado com quatro asas ao invés de duas tradicionais. Isso pode implicar que, de acordo com os padrões religiosos da vida real, ele e alguns outros anjos são querubins.
  • O posto de Arconte na hierarquia Angélica pode ter sido inspirado nos Arcontes da franquia Dungeons & Dragons.
Advertisement